O que é a medição individualizada? Entenda quais são suas vantagens

10 minutos para ler

A medição de água individualizada tem ganhado cada vez mais espaço nos condomínios. Trata-se de um método eficaz para controlar o consumo e evitar o desperdício de água. Ela possibilita que a conta referente ao gasto de água do condomínio deixe de ser dividida em partes iguais, de forma que os moradores passem a pagar somente pela água que realmente consumiram.

Trazemos para você, neste artigo, os principais pontos para entender de modo eficiente a questão. Você saberá por meio de qual legislação está embasado esse novo comportamento dos condomínios.

Quer entender as principais vantagens da medição individualizada? Então, continue a sua leitura!

O que é a medição individualizada de água?

Essa é uma metodologia de cobrança que permite que cada morador tenha, ao fim de um ciclo, o direito de pagar pela água efetivamente consumida, proporcionando uma conta mais justa. Para que ela seja possível, é necessária a instalação de um ou mais hidrômetros por apartamento, que medirão de maneira individualizada a quantidade de água consumida por cada unidade de um prédio.

Esse novo método de aferição do consumo de água permite uma divisão mais justa por conta do uso desse insumo vital. Antes da legislação entrar efetivamente em vigor, os métodos de divisão dessa conta faziam com que um imóvel pagasse pelo consumo mesmo sem ter usado um pingo de água sequer.

O que diz a lei sobre o assunto?

Lei Federal nº 13.312/16 estabeleceu que, em um prazo de até cinco anos, todos os novos prédios construídos no Brasil deverão contar com o sistema de medição individual. Os condomínios antigos não estão obrigados a migrar para esse tipo de sistema. No entanto, visando uma cobrança mais justa e precisa, e até mesmo a valorização do imóvel, muitos condomínios não obrigados pela lei optam por fazer as adaptações necessárias à implementação da medição individualizada.

Para tanto, o síndico deve convocar uma assembleia geral, além de registrar e formalizar o interesse dos moradores em fazer a mudança na ata de reunião. É necessário que o documento seja registrado em um Cartório de Títulos e Documentos. Dessa forma, evita-se que haja maiores problemas em caso de ocorrência de qualquer tipo de lide judicial.

Quais são as vantagens da medição individualizada?

A medição individualizada pode proporcionar inúmeros benefícios para os condomínios e usuários que optam por esse tipo de aferição do consumo de água.

Veja, a seguir, quais são os principais!

Diminuição da taxa condominial

Considerando que, com a implementação da medição individualizada, cada condômino pagará apenas pelo que gastou, os valores das taxas de condomínio podem ser reduzidos. Isso minimiza os índices de inadimplência e os conflitos e discussões entre os moradores em razão dos altos valores das cotas.

Aumento da autoconsciência no consumo de água

O fato de cada morador pagar apenas pela água usada eleva a sua autoconsciência em relação ao consumo, permitindo, por conseguinte, maior controle e economia desse recurso natural. Antes, um imóvel não sabia exatamente quanto consumiu e isso dificultava o uso consciente. Sabendo exatamente quanto gasta, cada condômino pode racionalizar seu uso.

Rápida identificação de vazamentos

A detecção de vazamentos, que podem levar à perda de água por muito tempo e aumentar o consumo, também se torna mais simples por meio da medição individual. No sistema coletivo, é difícil identificar em qual unidade existe o vazamento ou quem consome mais.

Com o sistema individual, é possível identificar qual apartamento apresenta irregularidades já no mês seguinte à implantação dos medidores. Basta que uma grande diferença apareça no registro e que destoe do histórico de consumo para saber qual imóvel está com problemas em seu sistema de encanamento.

Pagamento proporcional ao gasto

Nos condomínios mais antigos, o valor total gasto com água é rateado entre todos os condôminos. No entanto, esse não é o modelo mais justo, considerando que alguns moradores pagam além do que consumiram. É o chamado sistema de partilha ou sistema de fração. No primeiro, o consumo de água é rateado pelo número de imóveis. Já no segundo, cada imóvel paga de acordo com o tamanho de sua metragem quadrada.

Com a implantação da medição individualizada, fica fácil averiguar quanto de água foi consumido em cada apartamento, propiciando uma economia de 30% a 50% em algumas situações específicas nas quais são identificados vazamentos. Os grandes consumidores, por sua vez, terão a oportunidade de entender as razões do alto consumo e de buscar soluções para minimizá-lo.

Valorização do condomínio

Tendo em vista que, por força de lei, todos os prédios novos construídos a partir de 2021 deverão ser entregues com medidores individuais, os edifícios antigos que não contam com essa funcionalidade poderão sofrer uma desvalorização. Considerando que potenciais compradores têm diversas opções de apartamentos para escolher, a existência de hidrômetros individualizados pode ser um fator decisivo no momento da compra, favorecendo o fechamento do negócio.

No caso dos apartamentos destinados a aluguel, muitos inquilinos acabam optando por apartamentos com medição individualizada, pois a taxa de condomínio tende a ser mais econômica, já que não existe o risco de arcar com uma conta que originariamente é de outro imóvel.

Sustentabilidade

Depois de um certo período de adaptação, a autoconsciência no consumo de água gera economia para o bolso do usuário, além de contribuir para o uso sustentável de um recurso natural escasso e precioso. Com a consciência exata do seu consumo, um condômino sabe quanto gasta e pode se programar para economizar.

Facilidade para o síndico

Em prédios que não contam com a medição individualizada, a detecção de vazamentos e perdas de água é tarefa extremamente difícil. Sendo assim, não são raras as vezes que o síndico é surpreendido com contas muito altas sem saber onde está o problema.

Após a individualização, essas surpresas acabam, pois ainda que ocorra um vazamento em alguma unidade, o síndico tem a tranquilidade de que essa não será uma despesa de responsabilidade do condomínio e sim do morador do apartamento onde foi identificado o vazamento.

Cobrança de inadimplentes

A interrupção no fornecimento da água pode ser uma excelente ferramenta para ajudar na cobrança dos condôminos inadimplentes. No entanto, é imprescindível que isso seja acordado em assembleia geral extraordinária, antes da implantação da individualização. É muito importante ter cuidado para evitar problemas, já que esse é um assunto bastante polêmico. Nesse caso, o recomendável é buscar orientação jurídica antes de iniciar esse tipo de procedimento.

Além disso, com o intuito de reduzir os problemas, é possível substituir a interrupção total do abastecimento pela simples redução da vazão. Nesses casos, o inadimplente continua tendo acesso ao uso da água, porém, com uma vazão consideravelmente reduzida, o que torna o uso desconfortável.

Isso pode ser conseguido por meio da instalação de um anel constritor de vazão. Ele resolve dois problemas ao mesmo tempo, pois força o condômino a quitar suas dívidas ao mesmo tempo que impede que sejam ajuizadas ações, pois, no fim das constas, o fornecimento de água não foi interrompido, apenas diminuído drasticamente.

Quais são os métodos de cobrança da medição individualizada?

Existem duas metodologias de cobrança:

Primeira, aquela conhecida como “autogestão”, na qual o condomínio quita a conta da companhia de saneamento e, posteriormente, faz a cobrança do consumo da água individualizada na taxa de condomínio.

Segundo, o método no qual a própria companhia de saneamento, após receber a leitura dos medidores, passa a emitir uma conta para cada unidade. É um procedimento menos prático, pois envolve questões legais junto à concessionária, o que pode demorar muito para ser implementado.

Tendo em vista toda a burocracia exigida pela maior parte das companhias de saneamento para efetuar a cobrança individualizada, os condomínios geralmente acabam optando pela autogestão. Nesse caso, a cobrança do valor referente ao consumo individualizado é feita na taxa de condomínio.

Quais são os tipos de sistemas de individualização do consumo de água?

A seguir, acompanhe os principais tipos de sistemas de aferição de consumo de água.

Radiofrequência

Esse é um sistema que faz uso abundante de tecnologia. Não são necessárias instalações de cabos ou fios, pois a leitura é feita por radiofrequência. Isso significa que os dados são transmitidos à distância para a central. É possível usar esse sistema mesmo em condomínios mais antigos.

Digital

No sistema digital, os hidrômetros são dotados de porta USB e basta conectar o dispositivo de leitura para que os dados sejam capturados. Devem ser feitas adaptações nos condomínios para instalação, o que encarece um pouco a obra.

Leitura pulsada

O sistema de pulsos é muito versátil e inteligente. Para cada litro de água consumido, o hidrômetro emite um pulso que é registrado. Ao fim de um dado período, basta calcular a quantidade total de pulsos para saber qual foi o consumo total.

Qual é a importância de contar com uma empresa especializada?

Uma empresa especializada, como a Seu Consumo, é capaz de simplificar o processo de individualização do consumo de água. Ao longo de mais de uma década atuando nesse mercado e lidando diariamente com milhares de clientes, síndicos e moradores, a Seu Consumo entendeu as principais necessidades do seu público.

A partir daí, procurando sempre tornar mais agradável toda a jornada do cliente, desde a etapa de vendas até a conclusão da implantação, foram desenvolvidos processos e criados procedimentos de modo a atingir um altíssimo grau de satisfação. Além disso, a Seu Consumo usa os mais modernos instrumentos de medição do consumo de água, proporcionando eficácia no procedimento de aferição.

Finalizada a fase de implantação, é hora de começar a etapa de gestão do consumo. Sabendo que nessa fase inicia-se um relacionamento de longo prazo com o cliente, com o auxílio de uma tecnologia avançada, a Seu Consumo investe constantemente em tecnologia para garantir precisão, confiabilidade e agilidade na transmissão de dados.

Além disso, com o intuito de oferecer comodidade e de dar transparência ao usuário, todos os dados são disponibilizados em uma plataforma online, facilitando a análise das informações. Um exemplo de alta tecnologia embarcada é o sistema de acompanhamento do consumo baseado em leitura remota. Com ele, é possível acompanhar os dados da aferição mesmo à distância.

Conseguiu entender a importância de contar com a medição individualizada de água? Ao implementá-la, é possível usufruir de vários benefícios que podem propiciar um convívio mais harmônico entre os moradores, a redução da inadimplência, o consumo consciente e demais práticas necessárias para uma gestão eficiente do condomínio.

Agora que você já sabe como nossa empresa pode ajudar nesse processo, entre em contato conosco e conheça melhor os serviços oferecidos!

Posts relacionados

Um comentário em “O que é a medição individualizada? Entenda quais são suas vantagens

Deixe um comentário