Quais são as responsabilidades do síndico em caso de vazamento de gás?

5 minutos para ler

Muitos condomínios oferecem serviços que vão além do básico, como água, energia e o gás canalizado, que facilita muito a vida dos condôminos e promove mais segurança para os moradores. Assim, como o tradicional botijão de gás, o equipamento do gás canalizado está sujeito à vazamento caso algumas medidas não sejam implementadas corretamente. Mesmo não sendo um gás poluente, ele pode causar intoxicação, asfixia e até mesmo uma explosão.

Quando isso acontece, é responsabilidade do síndico colocar em prática algumas ações. Para saber mais, continue a leitura deste post!

Como acontecem os vazamentos de gás em condomínios?

Os vazamentos de gás podem acontecer em decorrência da ausência de manutenção no sistema de distribuição ou quando a instalação desse equipamento é feita inadequadamente. Por ser um produto de extrema sensibilidade, é fundamental ter um cronograma de manutenções e garantir que elas sejam feitas. Dessa maneira, reduz-se as chances de vazamentos na área compartilhada do condomínio.

Você já deve ter visto que é comum o equipamento de gás canalizado ficar em uma área com mais ventilação, com o intuito de evitar que o gás se concentre no ambiente, certo? Isso se dá porque o risco da explosão é maior dentro de ambientes fechados: o gás vaza, acumulando-se naquele espaço, e, quando uma porta ou janela é aberta, uma corrente de oxigênio entra no local e dá início à combustão do gás. Tudo isso acontece em milésimos de segundos, e essa situação pode deixar vítimas graves.

É importante que os condôminos tenham atenção com dois pontos: o ajuste do fogão com o canal de distribuição dentro do apartamento, bem como a verificação do fechamento de todas as bocas. São atitudes simples, mas que evitam que aconteça o vazamento de gás dentro do imóvel e, consequentemente, um acidente.

Quais são as responsabilidades dos síndicos nesses casos?

Na verdade, cada caso tem um responsável. De acordo com a Agência Nacional do Petróleo, por meio da NBR 15.526:2009, é de responsabilidade da distribuidora de abastecimento a garantia de manutenção e vistoria da matriz da canalização. No entanto, o síndico ainda deve garantir o cronograma e fazer uma auditoria para validação.

Quando o vazamento acontece nas áreas comuns, como espaços de lazer, em geral, a responsabilidade é da administração do condomínio. Pode acontecer que o vazamento seja decorrente do mau uso do espaço pelos condôminos, como o ato de deixar uma boca de um fogão compartilhado aberta. A conscientização é uma responsabilidade do síndico, mas, nesse exemplo específico, a responsabilidade é compartilhada.

Vazamentos de gás dentro de um imóvel do condomínio só é uma responsabilidade do síndico quando é comprovado um problema na rede de canalização. A partir do momento em que o gás é distribuído para os imóveis, os moradores devem garantir a correta instalação dos equipamentos, além de se atentarem com ao bom uso deles.

Como evitar que vazamentos de gás aconteçam no condomínio?

De uma forma geral, o gás canalizado oferece menos riscos de acidentes se comparado ao tradicional botijão de cozinha. Lembrando que, em todo edifício que tem esse recurso, é proibido o uso do botijão de gás. Portanto, você deve colocar em ação boas práticas para garantir a segurança total desse recurso. As manutenções preventivas e o acompanhamento delas são essenciais. Além de reduzirem as chances de um vazamento, elas reduzem custos para o condomínio.

Outro ponto que a administração deve considerar é o apoio da tecnologia. Com um app, você e seus condôminos podem acompanhar remotamente a qualidade das instalações de gás do condomínio. Por meio da telemetria, o software monitora a distribuição e, por meio dos dados, é possível identificar uma situação de vazamento.

Essa mesma tecnologia também pode ser aplicada no monitoramento do consumo de água. Ela acompanha a individualização dos medidores, o que proporciona uma gestão mais precisa do consumo e contribui para o uso consciente, bem como para a redução do valor da conta, tanto dos condôminos como do próprio condomínio.

A Seu Consumo é uma plataforma de gestão que oferece soluções que tornam as responsabilidades do síndico mais fáceis de serem controladas e monitoradas. Por meio das principais inovações disponíveis no mercado, desenvolvemos um aplicativo que permite acompanhar o consumo de água e gás com precisão nas informações.

Quer saber mais como podemos ajudar a otimizar a sua gestão de condomínio? Entre em contato conosco e solicite um orçamento. A nossa equipe de especialistas está pronta para desenvolver uma solução com o melhor custo-benefício. Aguardamos o seu contato!

Posts relacionados

Deixe um comentário